topo.php
Untitled Document
>> Incaper - Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural >>

Dia de Campo incentiva o controle de pragas e doenças nos pomares de tangerina ponkan

19/05/2011 - 16h45min


Assessoria de Comunicação/Incaper
O município produz aproximadamente 110 mil caixas da fruta por ano.

Com o objetivo de incentivar o controle de pragas e doenças e aumentar a produtividade de tangerina ponkan em Conceição do Castelo, o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), realiza nesta sexta-feira (20) o Dia de Campo sobre Tangerina Ponkan, que acontece na propriedade do Sr. Darci Moreira, das 08 às 12 horas, na comunidade de Barro Branco, para 120 produtores rurais da região. Ao fim do evento será oferecido um almoço para os participantes.

A capacitação, realizada em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), a Prefeitura Municipal e o Sindicato Rural (SR), apresenta estratégias de manejo para o controle das moscas da fruta na primeira estação do Dia de Campo, ministrado pelo pesquisador do Incaper, Maurício José Fornazier. Na segunda estação, o pesquisador do Instituto, Hélcio Costa, explica como deve ser realizado o manejo para evitar a mancha marrom de alternária, que provoca o aborto da tangerina ponkan e pode se disseminar na propriedade caso o agricultor não pulverize a lavoura de forma adequada. A doença faz com que a fruta seja descartada para comercialização.

De acordo com o extensionista do Incaper, Adilar Viana, o controle da mancha marrom é importante para que o produtor não tenha perda na produção. “A doença faz com que a tangerina ponkan caia, e a produtividade da lavoura diminui caso a doença se espalhe pelo pomar”, explica.

Na terceira e última estação, o pesquisador do Incaper, Sebastião Gomes, apresenta como deve ser feito o planejamento e aplicação da poda nos pomares.

A produção de tangerina ponkan no município de Conceição do Castelo ocupa uma área de aproximadamente 62 hectares, com 55 mil pés do cítrico, que produz em torno de 110 mil caixas da fruta por ano. Os cerca de 30 produtores rurais que trabalham com a fruta, em sua maioria utilizam a propriedade de forma consorciada com o café, promovendo assim a diversificação agrícola na região.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação/Incaper
Otavio de Castro
comunicacao@incaper.es.gov.br
Texto: Leandro Abreu
Tel.: 3137-9868 / 9850-2210
Acompanhe no Twitter: @Incaper

Rua Afonso Sarlo, 160 - Bento Ferreira - Vitória - Espírito Santo - CEP.: 29052-010 - Tel: 27 3636-9888
CGC/MF 27.273.416/0001-30 - INSC. ESTADUAL: 08063835-0
©2011 Incaper. Todos os direitos reservados. Fale com Webmaster